sábado, 6 de novembro de 2010

Homenagem a um menino anjo



Rest in Peace Jedi!

Este menino lutou como gente grande e deixou-nos um legado sem precedentes...
Faleceu no passado dia 3 de Novembro deixando-nos a todos em estado de choque e sem palavras.
Após o transplante de medula óssea, o pequeno grande Afonso teve complicações que o levaram a este destino.O tratamento a que foi sujeito eliminou-lhe as defesas do organismo, o que causou a morte. Afonso acabou por não resistir e morreu devido a uma disfunção multiorgânica.
Lutou bravamente por um ano, desde Outubro de 2009 contra uma Leucemia Linfoblástica Aguda.

Carta dos pais publicada no Facebook:

«Queridos amigos,

Apenas hoje ganhamos alguma força para escrever esta nota. Infelizmente o Afonso teve uma recaída forte 3 meses e meio pós-transplante. A única esperança de salvar a sua vida seria fazer mais quimioterapia e uma infusão de linfócitos do dador caso se reunissem as condições para tal. O Afonso foi assim submetido quimioterapia de recaída e uma semana depois, em aplasia medular extrema, desenvolveu um quadro de pneumonia que se agravou, dia após dia, durante 3 semanas. No dia 21 de Outubro, o Afonso teve de ser transferido para o Serviço de Cuidados Intensivos do Hospital de São João do Porto, onde esteve internado durante mais duas semanas. O Afonso lutou com todas as suas forças até ao fim, o Afonso nunca se queixou até minutos antes de ser transferido para os cuidados intensivos, o Afonso deu tudo o que tinha e podia dar, mas seria outro o seu destino. No dia 3 de Novembro, o Afonso acabou por falecer. Foi a mais dura batalha das nossas vidas, não nos arrependemos de nada. Foram os melhores 7 anos de sempre e isso devemo-lo ao nosso querido Afonso.

Toda a equipa médica foi incansável, todos, sem excepção, deram tudo o que podiam oferecer. À Dra. Teresa Oliva, médica pediatra do Afonso, ao Dr. Pinho Vaz, médico do transplante, um muito obrigado por nos terem permitido desfrutar da companhia do nosso Afonso durante mais um ano.

A todos vocês, muito obrigada por existirem, por se terem registado como dadores de medula óssea, por terem abraçado esta causa.

À Legião 501, muito obrigado por terem alimentado o sonho de o nosso filho se poder um dia tornar um Jedi e de terem feito dele um Jedi de verdade. O Afonso partiu acreditando ser um Jedi e que tinha a missão de salvar o Mundo quando a invasão dos Droids acontecesse... O sonho alimenta a vida...

O Afonso fez de todos nós pessoas um pouco melhores, e esse será um dos seus legados deixados aqui na Terra.

Afonso, meu amor, descansa em Paz. Nunca serás esquecido, permanecerás nas nossas vidas e, quando nos faltarem as forças para continuar, vamo-nos lembrar de ti e da forma como encaraste esta maldita doença, do teu sorriso lindo e do teu doce olhar... Amamos-te muito, infinitamente e até ao infinito. Obrigada por teres existido...

Graça e André»

Texto retirado daqui.

E com esta me vou. Desde que recebi a notícia, dia 3 de Novembro que ando meia abaralhada, por isso os posts meio malucos que fiz aqui.
Hoje lá me decidi em fazer uma homenagem a este guerreiro das estrelas...
Os meus sinceros sentimentos e muita força para os pais (que conheço) e família.

2 comentários:

Paloma disse...

Há mais uma estrela brilhando,no céu.

Susaninha disse...

APERTA O CORAÇÃO...