terça-feira, 8 de setembro de 2009

A razão


A razão da ausência?
Resolvi "estatelar-me" ou melhor, " esbardalhar-me" no chão apoiando o peso do meu corpo e o do meu puto no meu joelho. Não foi uma imagem nem bonita e nem engraçada de se ver. Foi estranho e para mim doloroso como tudo. Como se fosse uma pirueta em patins, mas sem patins e sem um final feliz.
Agora ando para aqui com joelheira, gelo, spray e comprimidos. Perna esticada e o mais repousada possível. De outra forma é impossível já que não consigo dobrar a perna.
Escusado será dizer que como activa que sou, isto para mim é uma doença!
Tinha tantos planos e exames da faculdade para concluir... e pufff!!!! De um momento para o outro estou para aqui a vegetar num sofá, de perna esticada no puff, com um alto enorme no joelho.
Mais valia ter feito a jogar à bola ou a fazer qualquer outro desporto. Assim quando me perguntassem sobre o que se passava e porque estaria assim, a resposta seria mais compreensível e menos decadente do que: " Estava a entrar em casa com o puto ao colo escorreguei, caí e ainda levei com o puto em cima!".
Agora aguardo o resultado dos Rx e ainda tenho marcada um ecografia ao joelhinho.
Tenho para mim que ainda devo amargar mais... ai tenho, tenho!

3 comentários:

Abobrinha disse...

Estás louca? Diz que foi numa bulha e que o outro ficou pior ainda!

Fora isso... ouch...

Vanessa. disse...

AHAHAH gostei do comentário de cima e concordo com ele :P

As melhoras!!!

Angelik disse...

LOL
Obrigada pela força!
Ainda não consigo dobrar a pernoca!!!
ouch!