sábado, 11 de abril de 2009

Tic Tac


Ontem tinha 18 anos. Um mundo de oportunidades pela frente. Um nervoso miudinho porque tinha entrado na faculdade. Namorado. Amigos. O dia devia ter 48 horas para que eu pudesse aproveitar tudo.Tinha uma sede de viver maior que eu. Desporto. Música. Teatro...


Hoje, passados alguns anos, não muitos, abrandei. Da 5ª mudança passei para a 3ª, mas sem esforço. Mais calma. Sem namorado mas com marido que é também namorado e amigo. Amigos são poucos. Conhecidos, bastantes. Um filho nos braços que já sabe mais do que lhe ensinei, já lhe caiu o primeiro dentito. O dia, agora, também devia ter 48 horas para que eu pudesse cumprir com todas as minhas obrigações e fazer tudo a que me disponho fazer. Desporto? Não posso praticar senão hidroginástica porque tenho uma hérnia discal que me paralisa se fizer muito esforço, mesmo caminhadas. Música? Sempre mas agora só canto em casa. Ouvir? A toda a hora. Teatro? Infelizmente apenas como espectadora e só de vez em quando...


O tempo passa e nós mudamos.
Hoje estou assim. Nostálgica mas em Paz!

7 comentários:

Eu mesma! disse...

Sabes uma coisa....?
eu as vezes tb dou por mim a pensar no que estás a pensar mas....

penso que evolui para algo melhor e mais estável... algo que aos 18 anos não tinha....

o poder da minha propria vida... :)

Saltos Altos Vermelhos disse...

queres saber gosto mais de mim agora! Uma boa Páscoa, se for o caso, claro ;)

Luis disse...

é a PDI...

João disse...

Não passaste pela 4ª antes de ires para a 3ª? Cuidado com a caixa ;)

Lobinho disse...

Nostalgica mas em paz... ou como diria o outro, cansado mas feliz ;)


Boa Páscoa

Daniel

Abobrinha disse...

Em todo o caso, parece-me que estás bem, com o mundo e contigo. E isso é o mais importante!

Esta não é a idade de ter todo o futuro em aberto: há decisões que já foram tomadas e que se está a viver neste momento. Mas há ainda muito mundo para viver e há que se aceitar o que se conseguiu. E planear o futuro.

Parabéns pelas tuas conquistas! Beijinho!

gimbras.nofuturo.com disse...

O tempo voa mesmo. :S Até assusta.